Ter na mão a ponta do fio tenso que segura o sonho - e largá-la para que o sonho voe mais alto.
Rui Caeiro

Sem comentários:

Publicar um comentário